Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Amarás os revendedores de LEGO!?

por baixinho, em 11.02.16


Este artigo do All About Bricks sugere que, de forma até pertinente, os AFOLs deverão aceitar e até gostar da existência de revendedores LEGO, vulgo o pessoal que compra sets para os vender mais tarde. Basicamente o autor explica que se os revendedores não existissem, os sets descontinuados não existiriam. Portanto mais vale comprar caro do que não comprar de todo.


Pessoalmente não concordo com a ideia. Acredito que isso poderia acontecer num pequeno número de sets, mas na sua maior parte não. Basicamente, se os revendedores não comprassem os sets, ficariam nas prateleiras das lojas e acabariam por ser comprados mais tarde por alguém.. e provavelmente pela tal pessoa que iria comprar a um revendedor.


O fenómeno dos revendedores LEGO começou a aparecer quando o movimento AFOL ganha algum volume, ou seja durante a primeira década deste século. Com o contínuo aparecimento de novos AFOLs, muitos deles perderam os primeiros lançamentos de UCSs Star Wars e mais tarde os modulares. Pessoas que pagariam qualquer preço (?) para completar as suas colecções.


Portanto a ideia será comprar já e vender quando a LEGO deixar de produzir, já que como aparecem sempre novos AFOLs esse vão precisar de conjuntos que já saíram de circulação e não se encontram em lado algum.


O problema é que como todos os sets foram vendidos (para crianças, AFOLs e revendedores) e já não se encontram nas prateleiras, estes novos AFOLs só tem a hipótese de comprar aos revendedores. Isto se pensarmos que raramente um AFOL se desfaz de um conjunto e uma criança só o fará quando chegar a adulto. Claro que nestes dois últimos casos deveremos pensar que o conjuntos não estarão em estado de MISB.


Se não houvesse revendedores bastaria fazer uma procura por várias lojas até encontrar o que queria. Eventualmente até poderia-se ir ao eBay e ao Bricklink comprar algo que não estivesse nas lojas.. e não estaria com preços absurdos porque os vendedores seriam basicamente AFOLs que desfaziam de algumas coisas e não pessoal que vive daquilo.


Sim, sou desse tempo. Entrar em lojas e encontrar conjuntos com mais de 10 anos a preços aceitáveis. Cheguei a encontrar um 6285 Black Seas Barracuda por 100€ (não comprei porque não tinha €s suficiente), vários 6886 Galatic Peace Keeper a 10€ (comprei 2 ou 3 :)) e até um 6769 Fort Legoredo já em 2009. Cheguei a ter na mão preciosidades de Classic Castle e Classic Space.


Hoje em dia encontrar um conjunto com mais de 4 anos..


No entanto também há que dizer que interessa haver revendedores, por causa do acesso a peças!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:50

Pouca terra, pouca terra

por baixinho, em 11.02.16

Choo Choo!


Esta é a sétima construção do Tim Schwalfenberg para o último Iron Builder. Imagine-se que a peça que está metida ao barulho é o cilindro prateado que está nos vagões. Podem ver outras construções do Tim para este Iron Builder no seu photostream.


Mas voltando a esta construção, adoro as formas desproporcionadas que lhe dão um ar infantil, ainda estranho os cabelos a servirem de copas das árvores e aquela ponte está mesmo épica :)


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:00


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog


subscrever feeds