Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Na abertura da loja LEGO do Porto

por baixinho, em 30.10.23

No sábado passado estive na abertura/inauguração da nova loja certificada da LEGO no grande Porto, no Norteshopping em Matosinhos. Surgiu a oportunidade de gravar-se um episódio do Conversas em Construção com o Marcos Bessa e, claro está, tivemos que aproveitar. Estas oportunidades de presenciar estes eventos e de criar novo material tanto para o podcast como para este blog são únicas e nunca é demais agradecer quem nos proporciona isto. Para essa conversa apenas estive eu, o Alex da PlayWell Portugal e o Pedro Sequeira, já que o Tiago Catarino infelizmente não conseguiu estar.

Cheguei bem antes da abertura e assisti alguma da azáfama que foram os últimos preparativos. Como devem imaginar, há sempre aqueles detalhes que só no fim são resolvidos e que muitas vezes aumentam o nervosismo das pessoas que são responsáveis pelo evento/local. Claro que eu desta vez não fazia parte desse grupo o que deu-me direito de apreciar as pessoas e a forma como foram resolvendo as situações.

Ainda antes da abertura, nós os três e o Marcos Bessa tivemos uns bons minutos (talvez um pouco mais de meia-hora) basicamente a conversar. Já nos conhecemos relativamente bem o que facilitou imenso a conversa o que, acredito eu que ainda não ouvi, deve ter resultado num episódio bem interessante. Não vou adiantar o conteúdo porque acho que mais vale a pena ouvir o podcast... quando sair, claro. Ando um pouco atarefado para editar e ainda não sei quando o vou fazer ou se desta vez o Pedro irá ter esse trabalho. Já o fez algumas vezes e o resultado é impecável!

Depois da conversa, houve agora oportunidade de olhar como deve de ser para a loja durante alguns minutos, já que a inauguração estava mesmo prestes a acontecer. Em comparação com a loja lisboeta, a loja é bem pequena. Não andei de fita métrica na mão, mas acredito que em termos de área pública ande entre o 1/3 e 1/2 da loja do Colombo. No entanto, não quer dizer com isso que os clientes tenham essa fracção da experiência, já que acho que o trabalho de a condensar foi bem feito. Temos uma selecção muito abrangente do que a LEGO oferece hoje em dia num espaço que, julgo eu, foi gerido de forma eficiente.

Claro que a minha atenção concentrou-se na parede Pick & Build (antiga Pick a Brick) que é sensivelmente e compreensivelmente metade da de Lisboa. São 35 slots com peças diferentes (Lisboa são 64) mais as sete dos dois níveis superiores que tem peças repetidas, provavelmente porque estão situadas num local demasiado alto para os comuns dos mortais (eu não). Além disso, os funcionários mostravam uma baseplate com mais peças que se encontravam em stock e que gentilmente traziam as caixas para fora se o cliente assim o desejasse. Por isso, quando actualizar o meu ficheiro com esses registos, vou assinalar mais do que as 35 peças que estão visíveis. A selecção das peças é, como habitual, dependente do sortido que a LEGO disponibiliza e da necessidade de se criar um efeito visual agradável à parede. Pessoalmente achei o sortido interessante e com peças que não me importaria de encher copos com elas se houvesse mais dinheiro para dispender. Claro que haviam também aquelas peças que, como devem imaginar, nem lembraria ao menino Jesus.

A minha atenção também virou-se para a linha Classic que é aquela que eu considero que continua a ser mais interessante para as crianças. Neste campo não fiquei nada agradado já que ocupa um lugar sem qualquer destaque e, por incrível que pareça, não contém aquele que é um dos sets mais interessantes (para crianças) dos últimos anos. Review desse set em breve.

Mas esse detalhe não mancha o geral da Loja já que cumpre o objectivo de aproximar a marca dos clientes e fãs.

Depois da inauguração tivemos a abertura da loja o que significou que encheu, mas de forma controlada já que as entradas eram controladas. A fila cá fora durou algumas horas mas acho que sem se tornar demasiado longa e demorada. Isto resultou que o movimento até fosse fluído.

Consegui encher o meu copito (yeps, ainda não chegaram os recipientes de cartão) sem grandes preocupações e ainda tive longas e interessantes conversas com várias pessoas. Destaque para as que tive com o Marcos e o Romão Santos (autor da saborosa francesinha que estava logo na entrada da loja), mas sem esquecer com todo o resto do conhecidos e até ao pessoal que lê este blog ou ouve o podcast e que vieram nos cumprimentar. Um grande abraço!

Almocei com pessoal da 0937 e depois apenas passei à frente da loja para verificar que a animação continuava. Desta vez fui relativamente cedo para casa já que no dia a seguir tinha a festa de aniversário do mais novo e as preparações levam o seu tempo.

Ps. não, não tirei fotografias por isso utilizei uma que encontrei na net de um site que fala da loja e que deixo aqui o link para lerem a opinião deles!!

Pps. entretanto atualizei o meu ficheiro com as peças do Pick and Build e podem ver aqui. Bastante novidades em relação à de Lisboa!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:31


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog


subscrever feeds