Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Review do set 4958 – Dino Monster

por baixinho, em 29.09.07

Review do set 4958 – Dino Monster


Referência: 4958
Nome: Dino Monster
Tema: Creator
Ano de Edição: 2007
Número de Peças: 792
Preço LEGO®: 89,95€
Preço por peça: 11,4 cêntimos
Dados de compra: MiniÂncora
Instruções: Três livros A4 com 76, 76 e 56 páginas.
Autocolantes: Não
Minifigs: Não
Modelos alternativos: Sim, dois com as respectivas instruções.
Lista de peças: Sim




 
As peças
11 cêntimos por peça não é propriamente barato para um conjunto Creator. Mas há que lembrar que temos vários elementos do novo sistema de motores da LEGO, o “power functions”. Um motor (médio), um motor XL, um receptor IR, um comando IR, uma caixa para pilhas e uma inútil peça para fazer sons. Peças suficientes para começar em grande com o novo sistema e equipar algumas construções com a característica do telecomando.
Quanto às restantes peças temos uma variedade fora do comum. Peças technic (com e sem studs) e peças system. Peças de muitas cores (talvez demasiadas). Só faltam mesmo peças para o universo minifig. A maior parte das peças são facilmente utilizáveis, algumas a sua utilização é dificultada pela cor.





A construção
Experimentei construir o modelo principal, o Monster Dino, e o terceiro modelo, a Tarântula.
Para o primeiro, a construção parece ser de um conjunto Technic. À excepção de alguns pormenores para enfeite, é só utilizar beams, eixos, engrenagens e pins. Por vezes torna-se entediante devido a partes da construção que são praticamente idênticas. No final desta construção, são poucas as peças que sobram.




A Tarântula é muito mais simples. Apesar de ter quase o mesmo tamanho do Dino, utiliza muitas menos peças. Estas são as peças que sobram.



A construção também tem alguma coisa de Technic, mas não tão intensivo como o Dino. No entanto sofre do mesmo mal que a construção do Dino. Algumas partes (principalmente as patas) tornam-se muito repetitivas apesar de serem ligeiramente diferentes.


O desenho
Feio.
O objectivo se calhar é esse mesmo.



A junção de várias cores com a inserção de algumas fluorescentes e limas tornam a construção um pouco “radioactiva”. O resultado final é um dinossauro um pouco bojudo. Os movimentos não são lá muito graciosos e deveras limitados. Interessante foi a solução encontrada para a locomoção, na realidade o dinossauro é quadrúpede com duas “muletas” interiores para ajudar no avanço.
http://www.youtube.com/watch?v=Qkp3tuO84Yc
O desenho da tarântula é interessante na medida que se limita basicamente às peças do dinossauro. O resultado poderá não ser o melhor nem o mais resistente mas bastante satisfatório. Pena os olhinhos verdes não encaixarem no receptor IR como aparece nas instruções…



 

Jogabilidade
A jogabilidade do dinossauro é praticamente nula, fartei-me num instante de o ver a avançar ou retroceder, abrindo ou não a boca. Duvido que uma criança passe muito tempo a fazer isto. Pelo menos não o tempo suficiente para valer o dinheiro investido nele.
http://www.youtube.com/watch?v=Ss2Q-hcp7hM
http://www.youtube.com/watch?v=SSroK9vCuxs
Com a Tarântula já é outra coisa. O motor XL está a movimentar o lado esquerdo e o motor médio o direito, assim é muito difícil andar em linha recta com ela. Em vez desta característica ser um mau pormenor, torna a construção engraçada! A velocidade e o ar zonzo da construção em movimento torna o “veículo” telecomandado um verdadeiro divertimento. Pena aquelas patas se soltarem com alguma facilidade.
No entanto o conjunto não vale só pelos modelos propostos. As peças e os motores valem o suficiente para possibilitar outras construções interessantes.
http://www.youtube.com/watch?v=UIF9_lDJwVI


Outros
As instruções do modelo do dinossauro ocupam o primeiro livro e 15 páginas do segundo. O terceiro modelo, a tarântula, ocupa integralmente o terceiro livro de instruções. O segundo modelo, o crocodilo, ocupa as restantes páginas do 2º livro, mas ao contrário! Além disso a lista de peças encontram-se no final deste modelo, ficando incompreensivelmente no meio do segundo livro!!


Conclusão
Este é um conjunto em que a característica principal é o novo sistema de motores. Apesar de ter um preço bem mais acessível que o 8275, perde indubitavelmente tanto pela quantidade de motores, como na variedade de peças e construções propostas. A jogabilidade do modelo principal é bastante prejudicada por não possuir direcção. A tarântula vale o trabalho, mas não vale o preço dado pelo conjunto inteiro.
Como resultado final temos um conjunto que não se afirma no tema Creator e nem o conseguiria no Technic.






Brickset: 4958
Inventário Peeron: 4958
Mais imagens no Brickshelf

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:12


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog


subscrever feeds